ACOMPANHAR

És profissional da educação?

Se sim, curta a FanPage https://www.facebook.com/profissaoprofessortecedor/ e fique por dentro das novidades que fazem e refazem esse profissional tão importante para a sociedade contemporânea que é o professor.


Tecedor de ideias e conhecimentos

Com muita satisfação e alegria inicio as postagens a convite da professora Semíramis aqui nesse blog tão substancial para nossa profissão professor.

Meu texto escolhido para inaugurar essa relação é o "Tecedor de ideias e conhecimentos". 


Prof. Sandro Ribeiro



Tecedor de ideias e conhecimentos


           Desde que os pensamentos de (LOCKE, 1693), um dos principais protagonistas do empirismo, deram sustentação as propostas do behaviorismo, que parte da educação ocidental apoiou-se na ideia de que nossos alunos seriam uma "tabula rasa" ou o correspondente a uma "folha em branco" a disposição do professor, o “professor transmissor”. Essa é a principal linha da pedagogia tradicional representada por HERBART e, no Brasil, pelos Jesuítas. Essa visão vem, com o tempo entre o fim do século XIX e durante o século XX, sendo questionada por pensadores como PIAGET, ANISIO TEIXEIRA e PAULO FREIRE que chamam a atenção para que sejam considerados os conhecimentos prévios e as vivências dos alunos. Observando o cotidiano da educação, percebemos traços dos dois pensamentos. Há escolas que "transmitem" conhecimentos esperando que os mesmos sejam “recebidos” e “gravados” de forma satisfatória e, há escolas que mixam o currículo oficial com os conhecimentos dos discentes e ainda com o cotidiano da comunidade escolar para estimular a tecitura (tecelagem) de culturas e saberes. Se concordarmos com a segunda linha de pensamento, os alunos com suas teias de saberes constituídos através dos sentidos, de suas vivências e do cotidiano escolar, observariam, traduziriam, mixariam, teceriam, desenvolveriam e experimentariam, através de um constante movimento de tear mediado pelo professor, a sua própria rede de sapiências. Poderíamos então dizer, que a função da escola é viabilizar essa tecitura e proporcionar uma constante interconexão desses fios/tecidos em uma grande rede de conhecimentos? Se a resposta for sim, até nos conceitos mais simples e que nos acompanham diariamente no trabalho cotidiano da escola, seria interessante nos atentarmos para a nossa proposta educacional e alinharmos ainda mais o discurso à prática. Por exemplo, falar em construção do conhecimento remete-nos a ideia de linearidade, causalidade e à percepção de que o conhecimento é cumulativo, ou não? Em seu lugar podemos propor, assim como defende FERRAÇO, utilizarmos o conceito de “tecitura”, isso mesmo, tecitura com “C” de tecelagem, de tecelão, daquele que é capaz de tecer emaranhados de fios e uni-los a outros tecidos em uma grande rede de saberes. Sendo assim precisamos nos desvencilhar da forma hegemônica de relação entre docente e discente, representada há séculos pelo “professor transmissor” e, saudarmos com um seja muito bem vindo o “professor tecedor de ideias e conhecimentos” pois o século XXI e a sociedade em rede estão à espreita.

Prof. Sandro Ribeiro

CEDERJ - Gestão de Projetos Sociais – edição 2018-2

Gestão de Projetos Sociais – edição 2018-2


bg-header-gps

Inscrições abertas

Pré-requisitos

  • Ler e conhecer o Edital;
  • Ser profissional vinculado a uma organização da sociedade civil sediada no Estado do Rio de Janeiro ou funcionário público vinculado a uma prefeitura do estado ou ao governo do Estado do Rio de Janeiro;
  • Ter concluído o Ensino Médio;
  • Ter domínio de navegação na internet;
  • Ter um e-mail pessoal ativo sem filtro antispam;
  • Ter domínio do uso de editores de textos.

Carga horária

80 horas

Vagas

400

Modalidade

A distância (exceto pelo módulo de alfabetização digital, que é opcional).

Conteúdo

  • ALFABETIZAÇÃO DIGITAL (Opcional)
    Como utilizar a sala de aula virtual e os recursos disponíveis para seu melhor desempenhodurante o curso; como trabalhar com downloads e uploads de arquivos, participar de fóruns e utilizar ferramentas síncronas e assíncronas de mediação online.
  • MÓDULO 1: Marco Regulatório das Organizações da Sociedade Civil
    Apresentação da Lei 13.019 – o Marco Regulatório das Organizações da Sociedade Civil (MROSC) e de seus principais aspectos; Os elementos que definem uma parceria entre a Administração Pública e as Organizações da Sociedade Civil (OSC); Procedimentos associados a um chamamento público e plano de trabalho para o estabelecimento de uma parceria;Identificação dos instrumentos para monitoramento e avaliação de parceria previstos no MROSC;Ações previstas pela Lei para qualificação e benefício das OSC.
  • MÓDULO 2: Fontes de financiamento
    Captação de recursos; O perfil do profissional de captação de recursos; O financiador e suas motivações para investimento em uma organização que desenvolve projetos sociais; Identificação de diferentes fontes de financiamento para as ações sociais; A importância de um plano de captação de recursos para a gestão de uma OSC;Definição de indicadores para a avaliação das ações de captação.
  • MÓDULO 3: Plano de empreendimento social
    A ideia como potencial empreendedor; Conceituação de proposta de valor; As conexão com pares, público-alvo, parceiros e investidores; Identificação do público-alvo atendido; A metodologia Canvas de Proposta de Valor e as relações entre os produtos e serviços oferecidos por uma organização às tarefas mais importantes desempenhadas por seu público-alvo, seus benefícios e a suas dificuldades em exercê-las; Valores associados a uma organização e a sua causa.
  • SEMANA DE DESENVOLVIMENTO DE IDEIAS
  • MÓDULO 4: Elaboração de um projeto
    Conceituação de projeto e desuas principais características;As principais etapas do desenvolvimento de um projeto;Os elementos de um Plano de Gerenciamento do Projeto; Escopo, tempo e custo e demais áreas de conhecimento de um projeto. Detalhamento do escopo de um projeto por meio de uma Estrutura Analítica de Projetos; Relações e interdependência entre as atividades de um projeto e suas implicações no cronograma;Identificação de ferramentas para realizar as estimativas de custos.
  • MÓDULO 5: Gestão de um projeto
    Características da execução de projetos com financiamento público. Fontes de captação de recursos; A constituição de uma equipe de gestão de projetos; Instrumentos para elaboração de cronograma de execução em função das etapas e atividades; Responsabilidades da equipe durante a execução do projeto; Comunicação e transparência na execução do projeto; Princípios para elaboração de plano de monitoramento e avaliação do projeto; Indicadores de qualidade e quantidade para medição do alcance de metas ou objetivos.
  • MÓDULO 6: Prestação de contas
    Noções gerais da prestação de conta; Caracterização das principais fases da parceria e da prestação de contas; Contextualização dos marcos legais à luz do balanço; Rejeição ou ressalvas na aprovação da prestação de contas e penalidades;Distinção entre as principais vedações, permissões e obrigações associadas;Comprovação dos gastos e relatórios – identificação dos documentos componentes e informações necessárias; Identificação dos principais erros em uma prestação de contas e procedimentos para evitá-los.
  • PRODUÇÃO DE TRABALHO

Inscrições

Clique aqui para acessar a ficha de inscrição.

Dúvidas?

Escreva para ssuporte-extensao@cecierj.edu.br

http://cederj.edu.br/extensao/gestao-de-projetos-sociais-edicao-2018-2/ 

CEDERJ - Cursos de Atualização 2018-3

Pré-requisitos

  • Ler e conhecer o Edital retificado.
  • Ter domínio de navegação na internet;
  • Ter um e-mail pessoal ativo sem filtro antispam;
  • Ter domínio, pelo menos, do uso de editores de textos;
  • Ter disponibilidade para participar na sala de aula virtual semanalmente, favorecendo a troca e a construção colaborativa de conhecimentos;
  • Ser profissional da Educação graduado, licenciado ou licenciando de último ano, de acordo com o quadro de pré-requisitos (Item 1.1) do Edital retificado.

Critérios de seleção

A ordem em que são aplicados os critérios de prioridade no preenchimento das vagas, levando sempre em consideração as áreas de formação e atuação de acordo com o quadro de pré-requisitos (Item 1.1), com prioridade desta sobre aquela, é a seguinte:
  1. Professores em exercício em escolas públicas no Estado do Rio de Janeiro;
  2. Professores licenciados em exercício no Estado do Rio de Janeiro;
  3. Professores licenciados e em exercício em outros estados brasileiros;
  4. Licenciados ou graduados com complementação pedagógica;
  5. Licenciandos de último ano;
  6. Outros profissionais em exercício na área educacional.

Como se inscrever

O candidato poderá solicitar inscrição em, no máximo, duas disciplinas. Para isso, deverá repetir os seguintes passos:
  1. Ler e conhecer o Edital retificado;
  2. Localizar, abaixo, a área e o curso de seu interesse;
  3. Clicar sobre o nome da disciplina na qual deseja se inscrever para ter acesso às informações e à ficha de inscrição.

CIÊNCIAS DA NATUREZA

CursoDisciplina
BiologiaCiência para um mundo sustentável
Diversidade dos Seres Vivos
FísicaExperimentando a física
QuímicaCalor e velocidade: em busca de um equilíbrio
O fantástico mundo dos polímeros

CIÊNCIAS HUMANAS

CursoDisciplina
FilosofiaAs dimensões racional e política do ser humano
GeografiaA questão energética no mundo contemporâneo

LINGUAGENS E CÓDIGOS

CursoDisciplina
ArteFundamentos da arte com foco em artes visuais
Língua Portuguesa e LiteraturaEnsinando Literatura: abordagens da poesia
Ensinando Literatura: abordagens da prosa
Gramática contextualizada: semântica

MATEMÁTICA

CursoDisciplina
Tratamento da Informação e Matemática FinanceiraIniciação à Educação Estatística

PRÁTICA DOCENTE

CursoDisciplina
Ciências & EducaçãoGames, ensino e aprendizagem
Pedagogia da Cooperação
Instrumentação para o EnsinoCultivo da vitalidade – práticas para promoção de saúde do professor
Educação, drogas e saúde nas escolas

TECNOLOGIA EDUCACIONAL

CursoDisciplina
Informática EducativaOrientação de pesquisa para educação básica
Animação em Stop Motion com objetos
Programando jogos online com Scratch
Sala de aula interativa
Formação via WebFCTEWeb – Formação Continuada em Tecnologias Educacionais na Web

Dúvidas

Escreva para suporte-extensao@cecierj.edu.br

CURSO – Metodologias Ativas na prática docente.


Com certificado (40 horas).
Rio Capital (Turma 2) - Dias - 18 e 19/08/2018.
Local - Rua Benedito Hipólito, 1 Centro Rio de Janeiro (Território Inventivo) Em frente ao Terreirão do Samba.
Modalidade - semi presencial (São quatorze horas presenciais e vinte e seis horas à distância).

Quatro abordagens:

1. Metodologias ativas e a personalização da aprendizagem;

2. Sala de Aula Invertida;

3. Aprendizagem Baseada em Problemas;

4. Aprendizagem baseada em pares.

Valor do investimento – 12 x R$ 37,50 ou a vista com desconto no boleto.

Matricule-se pelo site - https://sites.google.com/view/docenciacriativa/rio-turma-2 

Siga-me

Google Tradutor - Translator

És profissional da educação? Se sim, curta a FanPage  https://www.facebook.com/profissaoprofessortecedor/ e fique por dentro das novidades...

Arquivo do blog

boo1

Google+ Badge

Feed - Educando o Amanhã